+55 (27) 3029-5663 | asgym.ga@gmail.com | Seg. a Sex. 08h – 11h e 14h às 20h30 – Sábado 08h às 12h

Tipos de acrobacias na Ginástica Artística

Tipos de Acrobacias na Ginástica Artística

por | jun 1, 2021

Conheça um pouco mais das acrobacias da ginástica artística 

A Ginástica Artística é uma modalidade da ginástica que envolve uma série de movimentos que envolvem força, equilíbrio e precisão. As acrobacias da ginástica artística compõem vários elementos que os ginastas, tanto femininos, quanto masculinos, executam em suas séries.

Os elementos das acrobacias da ginástica artística podem ser com ou sem voo. Os mais comuns e bastante lembrados pelo público são aqueles realizados em solo. Você já deve ter se deslumbrado ao assistir competições de ginástica feminina ou masculina nas Olimpíadas, não é mesmo?

Pois bem, as acrobacias da ginástica artística são bastante lembradas por serem sequências bem elaboradas, precisas e cheias de beleza e graça.

As acrobacias da ginástica artística são feitas em aparelhos. O mais comum é o solo, em ambas categorias, mas são realizados também na trave de equilíbrio, salto sobre mesa, barras paralelas assimétricas, para a categoria feminina, e, nas argolas, mesa de salto, paralelas simétricas, trave de equilíbrio e barra fixa para a categoria masculina.

Os elementos acrobáticos podem ser com ou sem voo, e alguns exemplos são o rolamento, estrelas, reversões, mortais e piruetas.

Na ASGYM, academia de ginástica artística em Vitória (ES), trabalhamos com modalidades infantil, iniciante, intermediário, adulto e inclusive avançado, que é a etapa de pré-treinamento e treinamento para exercícios de maior complexidade.

Na categoria avançada, o objetivo é aprimorar os movimentos, aparelhos e acrobacias da ginástica artística.

 

Quais os tipos básicos de acrobacias da ginástica artística?

Temos certeza que você já deve ter ouvido alguma dessas expressões nas narrações das competições de ginástica artística durante as transmissões das Olimpíadas. Agora, vamos conhecer um pouco melhor desses elementos executados na academia de ginástica artística em Vitória (ES).

Abertura
Ação muscular de extensão da articulação dos quadris.

Rolamento
Pode ser para frente ou para trás. No rolamento para frente, o ginasta fica agachado, coloca o queixo e as pernas no peito e impulsiona o corpo para frente, virando. No rolamento para trás, o ginasta, flexiona os joelhos, deixa as mãos espalmadas próximo às orelhas, encosta o queixo no peito e rola para trás em posição grupada, impulsionando o corpo com as pernas.

Estrelas
Também chamada de roda, é quando o ginasta passa lateralmente em apoio invertido (de ponta cabeça) e retoma de pé.

Avião
Posição de equilíbrio em que o ginasta apoia um dos pés no chão e eleva a outra perna estendida para trás, com os braços estendidos e o tronco paralelo ao solo.

Empunhaduras
São feitas em provas de barras, argolas e cavalo com alças, e os movimentos são chamados de tomadas, pegadas ou presas. É a forma que o atleta segura nas barras para manter-se nelas e executar os movimentos.

Flic-Flac
Movimento preparatório para acrobacias da ginástica artística. O ginasta estica os braços para dar impulso no corpo e retirar os pés do solo. Pode ser executado para frente ou para trás

Salto Pak
É usado nas barras assimétricas para passar da barra mais baixa para a mais alta. A ginasta faz um movimento semelhante ao do flic-flac.

Mortal
Movimento de locomoção para frente ou para trás, chamados também de rotação, onde apresentam giro em algum dos eixos corporais. Os saltos mortais são rotações sobre o eixo transversal do corpo que partem de uma impulsão.

Giro de quadril para trás
O corpo executa um giro completo em torno do eixo transversal

Giro gigante
Uma rotatória em volta da barra de 360º, executada com todo o corpo na posição estendida.

Parada de mãos
O corpo deve permanecer na linha do pulso e a posição deve ser mantida por dois segundos em equilíbrio estático. Essas acrobacias da ginástica artística são muito usadas nas argolas, nas barras (assimétricas, paralelas e fixa) e no cavalo com alças.

Posições

Existem três posições: a estendida, a grupada e a carpada.
Na posição ou parada, o corpo fica em linha reta, num ângulo de 180° e pernas alinhadas.
A posição grupada é realizada com a aproximação das pernas flexionadas junto ao tronco, e a testa deve tocar o joelho.
E na posição carpada, o ginasta mantém as pernas esticadas, articulação do quadril flexionada e o tronco inclinado sobre as coxas.

 

Outras acrobacias da ginástica artística

Além das acrobacias da ginástica artística básicas feitas também na academia de ginástica artística em Vitória (ES), existem algumas especiais que recebem o nome de atletas.

Quando um ginasta realiza um movimento novo pela primeira vez a acrobacia pode ser nomeada a partir dele. É o caso da nossa estrela da ginástica artística brasileira Daiane dos Santos.

O “Dos Santos”, ou Duplo Twist Carpado, é uma variação do salto twist, que se trata de uma pirueta de giro em torno de si, seguido de um mortal duplo. Daiane realizou o movimento perfeitamente em uma competição em 2003.

Outro famoso tipo de acrobacia da ginástica artística é o Tkachev, executado nas barras fixas e assimétricas. O ginasta larga a barra, passa de costas por cima dela na posição carpada ou com as pernas separadas e, em seguida, pega a barra novamente. Leva o nome do ginasta soviético Alexander Tkachev, que o fez em 1977, no Campeonato Europeu.

Todas as acrobacias da ginástica artística devem ser realizadas com acompanhamento e segurança. Na ASGYM, academia de ginástica artística em Vitória (ES), você conta com uma equipe de profissionais que auxiliam na execução de todas as atividades.

Outras Postagens